EMADINE SOLUCAO 0,05% FRASCO C/5ML

ALCON
COMPRAR EMADINE SOLUCAO 0,05% FRASCO C/5ML
-7%

Desculpe-nos, nosso estoque para este produto está esgotado.

Avise-me quando chegar
Out of stock
Comprar Emadine solucao 0,05% frasco c/5ml com melhor preço e entrega em todo o Brasil. Conheça todas as apresentações de Emadine na categoria de Oftálmicos. Emadine comprar com quem tem mais de 40 anos de tradição.
Mais informações sobre o produto

Comprar emadine solucao 0,05% frasco c/5ml com o melhor Preço.

Voltar Descrição
Centralx Bulas > Bulário de Medicamentos Anterior Artigos Próximo Imprimir Cadastrar Enviar Favoritos Celular Antes de consumir qualquer medicamento, consulte um médico (http://www.catalogo.med.br). Emadine® Emadine® Emedastina 0,05% Difumarato Solução Oftálmica Estéril USO ADULTO E PEDIÁTRICO PARA CRIANÇAS ACIMA DE 3 ANOS. APRESENTAÇÕES - Emadine® Frascos plásticos conta- gotas contendo 5ml e 10ml. COMPOSIÇÃO - Emadine® Cada ml contém:Difumarato de emedastina (equivalente a 0,5mg de emedastina)...... ......0,884mg Veículo constituído de trometamina, cloreto de sódio, hipromelose, ácido clorídrico e/ou hidróxido de sódio (para ajuste de pH), cloreto de benzalcônio, como conservante e água destilada q.s.p. 1 ml. INDICAÇÕES - Emadine® EMADINE (solução oftálmica de emedastina) a 0,05% é indicado para alívio temporário dos sinais1 e sintomas2 da conjuntivite3 alérgica. CONTRA-INDICAÇÕES - Emadine® EMADINE é contra- indicado para pacientes4 com hipersensibilidade conhecida ao difumarato de emedastina ou qualquer componente de EMADINE. ADVERTÊNCIA - Emadine® EMADINE destina- se EXCLUSIVAMENTE PARA USO TÓPICO5 e não para uso oral ou injetável. PRECAUÇÕES - Emadine® Carcinogênese, mutagênese e diminuição da fertilidade: o difumarato de emedastina não demonstrou efeitos carcinogênicos em estudos em camundongos e ratos em regime de doses superiores a 80.000 vezes e superiores a 26.000 vezes a dose máxima recomendada para uso ocular humano que é de 0,002 mg/kg/dia para um adulto de 50kg, respectivamente. Níveis de dose mais altos não foram testados. O difumarato de emedastina demonstrou não ser mutagênico nos seguintes testes realizados: mutação bacteriana reversa in vitro (Ames), modificação do teste de Ames in vitro, aberração cromossômica em mamífero in vitro, mutação progressiva em mamífero in vitro, síntese de reparação de DNA em mamífero in vitro, troca de cromátides irmãs em mamífero in vivo e de micronúcleo de camundongo in vivo. Não houve evidência de diminuição da fertilidade ou na capacidade reprodutiva em ratos com dose de 15.000 vezes a dose máxima recomendada para uso ocular humano. Gravidez6: foram feitos estudos teratogênicos, peri e pós- natal com difumarato de emedastina em ratos e coelhos. Com dose de 15.000 vezes a dose máxima recomendada para uso ocular humano o difumarato de emedastina mostrou não ser teratogênico7 em ratos e coelhos e nenhum efeito no desenvolvimento peri e pós-natal foi observado em ratos. Entretanto, com dose de 70.000 vezes a dose máxima recomendada para uso ocular humano, o difumarato de emedastina mostrou um aumento na incidência8 de anomalias esqueléticas, viscerais e externas em ratos. Não há, entretanto, estudos bem controlados e adequados em mulheres grávidas. Uma vez que os estudos em animais nem sempre podem predizer a resposta humana, este fármaco só deve ser usado durante a gravidez6 se for claramente necessário. Mães lactantes9: a emedastina foi identificada no leite materno em ratas após administração oral. Não se sabe se a administração ocular tópica poderia resultar em absorção sistêmica suficiente para produzir quantidades detectáveis no leite materno. Deve- se, portanto, tomar precaução quando EMADINE for administrado a lactantes9. Uso pediátrico: a segurança e a eficácia em pacientes pediátricos abaixo de 3 anos de idade não foram estabelecidas. REAÇÕES ADVERSAS - Emadine® Em estudos clínicos controlados com EMADINE durante 42 dias, a reação adversa mais freqüente foi dor de cabeça (11%). As seguintes reações adversas foram relatadas em menos de 5% dos pacientes: sonhos anormais, astenia10, sabor desagradável na boca, visão borrada, queimação ou ardência, infiltrados corneanos, coloração corneana, dermatite11, desconforto, olho seco, sensação de corpo estranho, hiperemia, ceratite, prurido12, rinite13, sinusite14 e lacrimejamento. POSOLOGIA - Emadine® Instilar 1 gota15 no olho afetado 2 vezes por dia. ATENÇÃO: ESTE PRODUTO É UM NOVO MEDICAMENTO E EMBORA AS PESQUISAS TENHAM INDICADO EFICÁCIA E SEGURANÇA, QUANDO CORRETAMENTE INDICADO, PODEM OCORRER REAÇÕES ADVERSAS IMPREVISÍVEIS, AINDA NÃO DESCRITAS OU CONHECIDAS. EM CASO DE SUSPEITA DE REAÇÃO ADVERSA, O MÉDICO RESPONSÁVEL DEVE SER NOTIFICADO. NÃO USE REMÉDIO SEM O CONHECIMENTO DO SEU MÉDICO. PODE SER PERIGOSO PARA SUA SAÚDE. Emadine® - Laboratório ALCON AV. N. SRA. DA ASSUNCAO, 736 SAO PAULO/SP - CEP: 05359001 Tel: (011 )268-7433 Fax: (011 )819-2171 Ver outros medicamentos do laboratório "ALCON" Antes de consumir qualquer medicamento, consulte um médico (http://www.catalogo.med.br). Aviso legal Enviar para um amigo Solicitar correção/atualização Enviar críticas/sugestões Enviar para um amigo Seu nome: Seu email: Emails dos destinatários (separados por ; ): Adicione uma mensagem pessoal (opcional): Envie-me uma cópia dessa mensagem Enviar críticas/sugestões Seu nome: Seu email: Assunto: Mensagem: Solicitar correção/atualização Atenção! Utilize esta solicitação apenas para informar o que encontrou de incorreto na bula. Caso tenha encontrado algum dado incorreto ou desatualizado, informe-nos no formulário abaixo. Solicitado por: Nome completo: Email: Telefone: - Observações: Anterior Artigos Próximo Glossário 1 Sinais: São alterações percebidas ou medidas por outra pessoa, geralmente um profissional de saúde, sem o relato ou comunicação do paciente. Por exemplo, uma ferida. 2 Sintomas: Alterações da percepção normal que uma pessoa tem de seu próprio corpo, do seu metabolismo, de suas sensações, podendo ou não ser um indício de doença. Os sintomas são as queixas relatadas pelo paciente mas que só ele consegue perceber. Sintomas são subjetivos, sujeitos à interpretação pessoal. A variabilidade descritiva dos sintomas varia em função da cultura do indivíduo, assim como da valorização que cada pessoa dá às suas próprias percepções. 3 Conjuntivite: Inflamação da conjuntiva ocular. Pode ser produzida por alergias, infecções virais, bacterianas, etc. Produz vermelhidão ocular, aumento da secreção e ardor. 4 Para pacientes: Você pode utilizar este texto livremente com seus pacientes, inclusive alterando-o, de acordo com a sua prática e experiência. Conheça todos os materiais Para Pacientes disponíveis para auxiliar, educar e esclarecer seus pacientes, colaborando para a melhoria da relação médico-paciente, reunidos no canal Para Pacientes. As informações contidas neste texto são baseadas em uma compilação feita pela equipe médica da Centralx. Você deve checar e confirmar as informações e divulgá-las para seus pacientes de acordo com seus conhecimentos médicos. 5 Tópico: Referente a uma área delimitada. De ação limitada à mesma. Diz-se dos medicamentos de uso local, como pomadas, loções, pós, soluções, etc. 6 Gravidez: Condição de ter um embrião ou feto em desenvolvimento no trato reprodutivo feminino após a união de ovo e espermatozóide. 7 Teratogênico: Agente capaz de produzir dano ao embrião ou feto durante a gravidez. Estes danos podem se refletir como perda da gestação, malformações ou alterações funcionais (retardo de crescimento, por exemplo), ou ainda distúrbios neuro-comportamentais, como retardo mental. 8 Incidência: Medida da freqüência em que uma doença ocorre. Número de casos novos de uma doença em um certo grupo de pessoas por um certo período de tempo. 9 Lactantes: Que produzem leite; que aleitam. 10 Astenia: Sensação de fraqueza, sem perda real da capacidade muscular. 11 Dermatite: Inflamação das camadas superficiais da pele, que pode apresentar-se de formas variadas (dermatite seborreica, dermatite de contato...) e é produzida pela agressão direta de microorganismos, substância tóxica ou por uma resposta imunológica inadequada (alergias, doenças auto-imunes). 12 Prurido: Sensação de coceira. Pode ser produzido por icterícia obstrutiva, reações alérgicas, doenças hepáticas, etc. 13 Rinite: Inflamação da mucosa nasal, produzida por uma infecção viral ou reação alérgica. Manifesta-se por secreção aquosa e obstrução das fossas nasais. 14 Sinusite: Infecção aguda ou crônica dos seios paranasais. Podem complicar o curso normal de um resfriado comum, acompanhando-se de febre e dor retro-ocular. 15 Gota: 1. Distúrbio metabólico produzido pelo aumento na concentração de ácido úrico no sangue. Manifesta-se pela formação de cálculos renais, inflamação articular e depósito de cristais de ácido úrico no tecido celular subcutâneo. A inflamação articular é muito dolorosa e ataca em crises. 2. Pingo de qualquer líquido. Outros sistemas news.med.br » Doença de Gaucher: Brasil produzirá novo medicamento com base biotecnológica, segundo informa o Ministério da Saúde - 01/10/10 » Avandia: Anvisa cancela registro do medicamento usado para controle do diabetes tipo 2 - 29/09/10 EPF Millennium

ISTO É UM MEDICAMENTO, NÃO USE SEM PREESCRIÇÃO MÉDICA E ORIENTAÇÃO DO FARMACÊUTICO. AO PERSISTIREM OS SINTOMAS O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO.

COMPRAR EMADINE SOLUCAO 0,05% FRASCO C/5ML

EMADINE SOLUCAO 0,05% FRASCO C/5ML

por apenas R$ 32,40
Outubro Rosa
Genérico
CADASTRAR
Email cadastrado com sucesso! Erro! Não foi possível realizar o cadastro. Carregando ...
Voltar ao topo

Para o perfeito funcionamento do site é preciso que o JavaScript esteja ativado no navegador.
Para ativá-lo, escolha seu navegador e siga as instruções abaixo:

Google Chrome

  1. Clique no ícone do menu na barra de ferramentas do navegador.
  2. Selecione Configurações.
  3. Clique no link Mostrar configurações avançadas....
  4. Clique em Configurações de conteúdo na seção Privacidade.
  5. Selecione Permitir que todos os sites executem JavaScript na seção JavaScript.

Mozilla Firefox

  1. Selecione Ferramentas no menu superior.
  2. Escolha Opções.
  3. Selecione Conteúdo no menu de navegação superior.
  4. Marque a caixa de seleção ao lado de Ativar JavaScript e clique em OK.

Internet Explorer

  1. Selecione Ferramentas no menu superior.
  2. Escolha Opções da Internet.
  3. Clique na guia Segurança.
  4. Clique em Nível personalizado.
  5. Desça até ver a seção Scripts.
  6. Em "Script ativo", selecione Ativar e clique em OK.

Apple Safari

  1. Abra o menu Safari na barra de ferramentas do navegador.
  2. Escolha Preferências.
  3. Escolha Segurança.
  4. Marque a caixa de seleção ao lado de Ativar JavaScript.
Olá, posso ajudar?
Indicativo de Busca
Televendas 11 3990-7720
Chat Fale agora com nossos atendentes